Produtos e Serviços Profissionais Casas de Repouso

blog 60 mais ativa

Informação, dicas e novidades sobre o mundo da maturidade para você

Legislação
postado 07.05.2018 às 15:00 por Portal CR
Compartilhe

Proposta que responsabiliza familiares por abandono de idoso aguarda votação do Plenário

Proposta que responsabiliza familiares por abandono de idoso aguarda votação do Plenário

Ouça o audio: https://soundcloud.com/user-775684179/abandono-idoso

 

O chamado abandono afetivo inverso é caracterizado quando a família interna o idoso em uma instituição e não aparece para visitá-lo. Texto prevê detenção de um a três meses que poderá ser revertida em indenização à vítima.

 

Está pronta para ser apreciada pelo Plenário da Câmara a proposta (PL 4562/16) que responsabiliza civilmente os familiares que abandonarem seus idosos.

 

O chamado abandono afetivo inverso é caracterizado quando a família interna o idoso em uma instituição e não aparece para visitá-lo. O texto, que já foi aprovado nas comissões de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa e de Constituição e Justiça, prevê detenção de um a três meses que poderá ser revertida em indenização à vítima.

 

O relator da proposta na CCJ, deputado Edson Moreira, do PR de Minas Gerais, afirmou que a falta de amparo afetivo dos familiares pode agravar o quadro clínico do idoso.

 

Para o deputado, a adoção de uma multa vai fazer com que os familiares repensem sua relação com os mais velhos.

 

"Já deveria estar incutido na criação, na educação do cidadão que o idoso já fez muito pelo país e que deve ser respeitado, o idoso."

 

Há dez anos funciona no Distrito Federal a Central Judicial do Idoso. A coordenadora da Central, Márcia Domingos, explicou que as queixas são variadas, mas a maioria está relacionada à violência física ou pecuniária e ao abandono.

 

Para a defensora pública, a lei é bem-vinda porque no caso de idosos que conseguem se manter financeiramente não há como forçar os filhos a prestarem a atenção que o idoso requer.

 

"Porque às vezes, o idoso tem dinheiro, mas não tem o carinho. Quando ele não tem o dinheiro eu consigo pedir alimentos para que o idoso consiga se manter no dia a dia sem tanta dificuldade. Só que a gente precisa de uma lei como a do abandono específica para os idosos para que os filhos que não querem dar atenção e carinho sejam condenados por conta desse abandono afetivo. É de extrema importância."

 

A proposta que responsabiliza civilmente os filhos pelo abandono afetivo inverso de idosos agora deve ser aprovada pelo Plenário da Câmara antes de seguir para o Senado.

 

Reportagem - Karla Alessandra 

Data: 27/11/2017 18h55

Fonte: http://www2.camara.leg.br/camaranoticias/radio/materias/RADIOAGENCIA/549809-PROPOSTA-QUE-RESPONSABILIZA-FAMILIARES-POR-ABANDONO-DE-IDOSO-AGUARDA-VOTACAO-DO-PLENARIO.html

comente

leia também

receba novidades em seu e-mail

cadastrar

e-mail cadastrado com sucesso, obrigado!

sobre nós divulgue seu negócio desenvolvido por Julio Guimarães